IBOTIRAMA

IBOTIRAMA

  I

História de Ibotirama

       Atualmente no município de Ibotirama, pouco há registrado sobre os primeiros povos habitantes da região. Segundo MOACIR ARAÚJO (1983) o que se encontra nas fontes históricas, é que os primeiros povoadores foram os índios Tupi-Guaranis, que deixaram na Vila da Pirajiba rochas, locais identificados por pinturas, desenhos e escritos na Língua Tupi-guarani.(IBGE 1983-1984).
No século XVIII foram surgindo os primeiros moradores descendentes de portugueses. Em 1732, surge a primeira fazenda que recebe o nome de Bom Jardim, devido a grande quantidade e variedade de flores existentes nessa propriedade. Esta fazenda pertencia a Dona Joana Guedes de Brito, filha de Antônio Guedes de Brito, o primeiro Conde da Ponte que, por volta de 27 de agosto de 1663, recebeu por doação do Rei de Portugal, D. João VI, uma sesmaria, assim compreendida, desde o Morro do Chapéu, até a nascente do Rio das Velhas. Consta nos Anais do arquivo público da Bahia - Volumes VI e VII.
O arraial de Bom Jardim, nessa época, já era o ponto preferido por boiadeiros e tropeiros onde faziam a travessia do Rio São Francisco e encontravam um lugar para descansar, pois a fazenda localizava-se à margem esquerda do Rio.

 

 Eventos

      No mês de agosto, acontece o Ibotifolia, carnaval fora de época local realizado durante as comemorações do aniversário de emancipação política do municipio, ocorrida a 14 de agosto de 1958. Ao som de bandas e cantores locais (especialmente Axé, forró e pagode) e de expressão nacional, a festa atrai visitantes das cidades próximas e de antigos moradores que sempre retornam  para prestigiá-la.
   No mesmo período acontecem o FEMPI - Festival de Música Popular de Ibotirama e o FEPI - Festival de Poesia de Ibotirama, em que se apresentam compositores e poetas locais e também atrai artistas de outros municípios e estados. O FEMPI acontece oficialmente desde 1976, tendo, portanto, mais de trinta anos de história. O FEPI segue a tradição, com 10 anos a menos que o festival de música.

Igreja de Nossa Senhora da Guia

Como Chegar

Avião
A partir de Salvador e Brasília, exitem vôos diários para Barreiras (é o aeroporto comercial mais próximo de Ibotirama). No aeroporto alugam-se carros.

Carro
Saindo de Salvador de carro, via BR-324, pegar a BR-116 e, a partir da ponte sobre o Rio Paraguaçu, a BR-242.

Ônibus
Existem ônibus comerciais diariamente para Ibotirama. Há também outras opções de ônibus que vão para Barreiras, Brasília e Goiânia, entre outros.

Geografia

      Situada na margem direita do rio São Francisco, é cortada pela BR 242, que liga Salvador/BA a Brasília/DF. Tem um clima quente e temperado. Sua economia se baseia na agricultura, comércio e pesca.

Curiosidades

     A cidade tem o epíteto de Capital Céu, criado por seus moradores. Longe de ser algo como Cidade Maravilhosa (título da cidade do Rio de Janeiro), esse termo serve para expressar duas características comuns de seu povo: o jeito alegre de ser e viver e a hospitalidade com que recebe os visitantes e antigos moradores.

 

 FOTOS - Credito: Fan Page TV Ibotirama